Sorteio de Skin Odisseia

Participe do nosso sorteio e concorra a uma das novas skins de graça!

Quero Participar

Jogador entrou na justiça para tirar seu ban no League of Legends

11/02/2018 - 18:48

Caso foi publicado no Portal Judiciário do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte.

Camila Falk
Criadora de conteúdo gamer

“Remover Ban na Justiça?”: Jogador entrou em ação na justiça contra a Riot Games.

Remover Ban na Justiça

(Foto: Reprodução)

Conforme pode ser visto no Portal Judiciário do Tribunal de Justiça, um jogador de League of Legends entrou com uma ação contra a Riot Games.

Na ação, o autor alega que jogava desde 2012 e já teria gasto R$ 1.725 na compra de cosméticos no jogo (como skins e cromas).

Porém ele acabou recebendo uma punição permanente pela prática de elojob, no dia 22 de novembro de 2016.

Remover Ban na Justiça?

A desenvolvedora do jogo comprovou na justiça que o autor do processo cometeu a prática de “elojob”, fornecendo sua conta para outros usuários subirem o seu nível.

Nesse sentido, para comprovar a prática do “elojob”, o réu [Riot] juntou aos autos extratos de acesso à conta do demandante onde é possível observar o login da referida conta em locais diferentes do mundo em curto lapso temporal, o que seria materialmente impossível.

Pelo que se infere que realmente ocorreu o compartilhamento dos dados cadastrais do usuário demandante para terceiros, evidenciando-se a prática“, afirmou o juiz titular, José Herval Sampaio Júnior.

A Riot Games ainda provou que antes de receber a punição permanente, o usuário já havia recebido penalizações menores pelo mesmo motivo.

O veredito final acabou sendo favorável para a empresa, e o jogador foi condenado a pagar as custas processuais e os honorários advocatícios do processo.

O banimento do usuário demandante encontra-se respaldado pelo exercício regular de direito do réu, não havendo que se falar na prática de ato ilícito, motivo pelo qual julgo improcedentes os pedidos de restabelecimento da conta e devolução, em dobro, da quantia gasta dentro do jogo“, declarou o Juiz.

Comentando o Caso

Falei sobre esse caso no mais recente vídeo do meu canal do Youtube.

Leia mais sobre: , ,

Sobre o autor:

Camila Falk

Estudante de Marketing durante o dia e a noite corre pelas ruas para combater o crime.
Seguir Instagram